Usar cor é uma coisa complicada para a grande maioria das pessoas. O medo de errar, muitas vezes (quase sempre), ultrapassa a vontade de colorir. É uma pena, pois cor para mim é vida, e uma casa com cor, nem que seja em pequenos pontos, fica mais bonita e feliz… Muita gente me pergunta como usar cores sem cansar o ambiente. A resposta é sempre a mesma: se não está segura (o), ou tem medo de erra, deixa a base e as maiores peças neutros. Coloque cor apenas nos objetos menores e fáceis de substituir, como as almofadas. Pode acreditar, quase sempre essa combinação dá certo!
E falando em cores… Terminei um projeto de interiores, de uma sala de jantar e área de leitura, nessa semana que passou. Muitas cores foram usadas na criação do projeto. Poderia ter ficado cansativo? Poderia. Mas a base off white que eu utilizei nas paredes, por exemplo, gerou no final um resultado muito aconchegante e alegre,  com cor na medida certa! Mesmo eu tendo desenhado para o espaço um móvel bar turquesa, uma mesa de apoio com tampo amarelo e customizado de vermelho esse quadro aí, ó…
 
ANTES
No branquinho básico já era bonitinho, mas…

DEPOIS

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Diz aí, no vermelho ficou ainda melhor…
 
 
 
 
As rolhas de vinhos, abertas pela família em ocasiões especiais, agora podem ir para o quadro… Mais um recurso usado no projeto para a família registrar os momentos marcantes. =)
 
E no final das contas eu te digo: a casa da gente tem que ser, na verdade, o lugar que deixe a gente feliz… Seja com muita cor, com pouca cor ou cor na medida certa… É ou não é?
 
Mari.

Comente:

comentários