Sempre torci o nariz para os adesivos de parede, pois acho que tem forma bem mais criativa de decorar uma parede sem ir direto ao óbvio, sabe? E depois que esse negócio se popularizou, parece que o meu desamor por eles só aumentou. Toda lojinha hoje tem para vender. E eu já me deparei com cada coisa “sem beleza”, Jesus! Mas antes que muita gente me mande e-mail reclamando, vou dizendo que eu não tenho nada contra quem gosta, viu? É apenas uma questão de gosto e de opinião. =)
No entanto, passeando pela internet ontem, senti que o meu conceito sobre o assunto está preste a mudar. Bem que papai dizia: “minha filha, nunca diga nunca…”
Pois bem, eu não sei se já disse para vocês, mas quem conhece a minha casa sabe: adoro uma estante de livros! Acho que mesclar livros com objetos decorativos é uma combinação super cool e dá um charme tão grande a decoração… Mas vamos combinar? Hoje, ter espaço e dinheiro para montar uma estante assim, em casa, é uma matemática complicada, que nem sempre fecha, não é verdade? Primeiro que o nosso dinheiro é finito e, segundo, os espaços que vivemos estão cada vez menores.
Mas o que a gente faz, então? Fica sem uma estante linda? Claro que não, né? Olha o que eu achei na I-stick:
 
Pode ser uma estante tradicional…
 
Pode ser uns nichos simétricos…
 
Mas pode arrumar assim também, viu? Ao gosto do freguês!
 
E tem a linha descolada, com cara de loft. Empilhou tá pronto!
Para quem tem pouco espaço, vem me dizer que não é perfeito? Adesivos assim, até EU quero! E você?
 
Mari.

Comente:

comentários